ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Sexta-Feira, 13 de Abril de 2018, 17h:30
Tamanho do texto A - A+
Twitter
POSIÇÃO DE DESTAQUE

Brasil assume Vice-presidência da Comissão Regional de Turismo da OMT para as Américas

Por: MTur

Reprodução

UNWTO

A comissão tem as Bahamas como presidente e conta com a participação de representantes do turismo de 26 países americanos

O Brasil voltou a ocupar posição de destaque na Comissão Regional para as Américas (CAM) da Organização Mundial do Turismo (OMT). Durante a 63ª reunião da CAM nesta sexta-feira (13), em Assunção, no Paraguai, o país assumiu a vice-presidência da comissão para o biênio 2018-2019 juntamente com o Haiti. O Ministério do Turismo foi representado pelo chefe da Assessoria de Relações Internacionais, Rafael Luisi, acompanhado do assessor especial, Maurício Rasi. Durante o encontro foram tratados assuntos diversos de interesse do setor e atualizadas informações acerca das atividades regionais do turismo.

 

“Com seu mandato, o Brasil pretende continuar a atuar ativamente para o fortalecimento da região no Conselho Executivo da Organização Mundial do Turismo (OMT), de modo a assegurar os interesses das Américas no âmbito do programa de trabalho da OMT e colaborar na determinação de diretrizes e metas da organização para o setor”, destacou o representante do MTur.

 

Além de fortalecer o contato entre os Estados Membros das Américas e da região com a Secretaria Geral da OMT, a CAM atua também para atender demandas específicas das administrações nacionais de turismo, junto ao órgão das Nações Unidas, além de autoridades locais e empresas de turismo da região. O Ministério do Turismo acompanha ativamente os trabalhos da organização, tendo atuado como membro da CAM durante cinco mandatos, o último encerrado em 2015. Ao longo dessa semana, Rafael Luisi chefiou uma missão do Turismo brasileiro em vários eventos do setor das Américas e no Mercosul realizados na capital do Paraguai, entre eles a XX Reunião de Ministros de Turismo do Mercosul.

 

Na quinta-feira (12), Rafael Luisi e Maurício Rasi, acompanhados de representante da embaixada do Brasil em Assunção, estiveram no Ministério da Fazenda do Paraguai. Representante do turismo paraguaio e o presidente do Sindicado Integrado de Parques e Atrações Turísticas (Sindepat), Alain Baldacci, também participaram da reunião com o Diretor Geral de Aduaneiras do país, José Cuevas Sanches.

 

Na ocasião foram feitos vários esclarecimentos sobre o pleito de isenção tributária para a importação de equipamentos de parques temáticos como bens de capital. Esse conceito único, proposto pelo Brasil, deverá ser adotado pelos demais países do Mercosul e já conta com o apoio dos ministros de turismo do bloco econômico. Cuevas coordena o comitê técnico do Paraguai que decidirá sobre o tema a ser apreciado na próxima reunião do Mercosul.

Twitter




COLUNISTAS
Enquete

BLOGS MAX


© 2016 NOTÍCIA MAX - Todos os direitos reservados.