ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Segunda-Feira, 16 de Abril de 2018, 14h:47
Tamanho do texto A - A+
Twitter
COMUNIDADE TERAPÊUTICA

Botelho conhece trabalho social no Pedra 90 e assegura apoio

Por: Redação

 

Com o propósito de resgatar vidas, a ONG Cristo Salvador se tornou referência em assistência social em Cuiabá e Várzea Grande. Neste sábado, o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Eduardo Botelho (DEM) ficou impressionado com o projeto que conheceu in loco, no grande Pedra 90, em Cuiabá.

Durante a reunião com os membros da ONG Cristo Salvador, o presidente da instituição, Waldeck Duarte solicitou apoio para melhorar as instalações e ampliar o número de beneficiados. Criada em 2002, a ONG trabalha em parceria com 20 instituições filiadas, dentre elas a comunidade El Brits – Poder de Deus Conosco. Todas voltadas à recuperação de pessoas em estado de risco e abandono, chegando em média duas mil pessoas assistidas.

O trabalho é realizado em quatro etapas: retira das ruas; encaminha para comunidades terapêuticas; começa tratamento de apoio pessoal e familiar, por último encaminha para o mercado de trabalho.

Responsável pela comunidade terapêutica El Brits – Poder de Deus Conosco, o pastor, Edcarlos Moratto agradeceu a presença do deputado e solicitou apoio ao trabalho desenvolvido pela ONG. Destacou a importância de convênio com o Estado e municípios de Várzea e Cuiabá. Lá, 47 internos, sendo 20 deles oriundos da Ilha da Banana, no Centro de Cuiabá, recebem total atenção para a reintegração na sociedade.

“Agradecemos o deputado Botelho por vir aqui conhecer o nosso trabalho que ajuda as pessoas afastadas da sociedade. Aqui realizamos uma grande mudança na vida deles. Por isso, o apoio é fundamental para construirmos uma padaria, alojamento, uma cozinha grande para poder dar melhores condições a essas pessoas que precisam da atenção do poder público”, relatou Moratto.

Também necessitam de equipe multidisciplinar de profissionais da saúde para acompanha-los durante o tratamento terapêutico, especialmente de psicólogos, nutricionistas, assistentes sociais, terapeuta e médicos.

O deputado Botelho disse que a ONG faz um trabalho brilhante e merece todo o apoio. “Vamos participar e buscar apoio junto a Setas [Secretaria de Estado de Trabalho e Assistência Social] para oferecer os cursos profissionalizantes. Também vamos propor emendas para ampliar o espaço. Só quem já esteve no fundo do poço ou convive com pessoas assim sabe a importância desse trabalho social, que os reinsere na sociedade. O estado tem que participar e vamos trabalhar juntos”.

O presidente da ONG, Waldeck Duarte relatou as prioridades. “Pedimos ao deputado e ao governo do estado apoio para o desenvolvimento do trabalho social. São pessoas desassistidas da família, de ações sociais do governo e da prefeitura. Até mesmo a sociedade tem o costume de renegar os usuários de drogas. Enquanto, nós os abraçamos, para isso precisamos de profissionais psicólogos, terapeutas, nutricionistas e conselheiros para ajuda-los”, finalizou.

 

Twitter



Edição 139 julho de 2018

COLUNISTAS
Enquete

BLOGS MAX



© 2016 NOTÍCIA MAX - Todos os direitos reservados.