PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Segunda-Feira, 13 de Janeiro de 2020, 11h:12
Tamanho do texto A - A+
CIDADES
ARMADO Twitter

Policial militar tem surto e ameaça se matar no Pronto Atendimento da Unimed

Por: Redação

Reprodução

 

Um policial militar armado, que não teve a identidade revelada, teve um surto psiquiátrico e tentou tirar a própria vida, na manhã de segunda-feira (13), nas dependências do Pronto-Atendimento da Unimed, em Cuiabá. 

 

Conforme a assessoria de imprensa da Unimed, o homem é paciente do hospital e sofre com depressão. Com uma arma de fogo, o policial ameaçou se matar no local.

 

Ele foi contido pela equipe plantonista e a Polícia Militar foi acionada para apreender a arma do paciente.

 

A PM informou, por nota, que o militar procurou o local, pois, não se sentia bem e que enquanto aguardava teve um colapso de estresse. De acordo com a Diretoria de Saúde da PM, a vítima foi afastada das funções e será acompanhada por uma equipe especializada da coorporação. 

 

O paciente foi medicado, está estável e foi encaminhado para o tratamento especializado para o seu caso. 

 

Veja notas na íntrega:

Unimed

Em relação ao fato ocorrido na manhã de hoje, (13.01) nas dependências do Pronto Atendimento da Unimed Cuiabá, esclarecemos que a ocorrência envolveu um paciente em surto psiquiátrico que tentou o suicídio com arma de fogo. A equipe treinada para emergências psiquiátricas tomou todas as providências necessárias e acionou a Polícia Militar que, rapidamente, controlou a situação. O paciente se encontra medicado, estável e encaminhado para tratamento especializado.

 

Polícia Militar

A Polícia Militar por meio da Diretoria de Saúde informa que a ocorrência de tentativa de suicídio envolve um soldado da policial militar de 35 anos e já foi encerrada. O militar não estava passando bem quando procurou a unidade de pronto atendimento de um hospital privado na Rua Barão de Melgaço na manhã de segunda – feira (13.01), em Cuiabá.

Durante o atendimento na recepção do PA, o homem teve um colapso de estresse e com a própria arma de fogo ameaçou tirar sua vida. Equipes do Batalhão Rotam e da Diretoria de Saúde da PM estiveram no local e o policial recebeu atendimento médico e está em observação na unidade de saúde. 

 

Twitter

PUBLICIDADE



Veja mais sobre este assunto:

Edição 215 Fevereiro de 2020

PUBLICIDADE

Enquete
COLUNISTA
BLOGS MAX
  • PUBLICIDADE

  • PUBLICIDADE

  • PUBLICIDADE


PUBLICIDADE


PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

© 2019 - Notícia Max - Todos os direitos reservados