PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Segunda-Feira, 19 de Agosto de 2019, 08h:54
Tamanho do texto A - A+
CIDADES
PARA INIBIR VENDA E ALUGUEL Twitter

Prefeitura realiza intensa fiscalização nos residenciais do Minha Casa, Minha Vida

Por: Redação

Reprodução

 

Secretário municipal de Habitação e Regularização Fundiária, Air Praeiro Alves diz que a Prefeitura vem realizando um intenso trabalho de fiscalização nos conjuntos habitacionais do programa Minha Casa, Minha Vida, para inibir a prática de venda ou aluguel dos imóveis.

 

“O objetivo do programa é o cunho social, então os imóveis têm que ser direcionados realmente aqueles que necessitam, e o que ocorre é que muitas vezes eles desdenhando da lei da Minha Casa, Minha Vida, que estabelece regramentos para essa ocupação, então temos a prática do aluguel, de empréstimos, temos vendas, ou seja, comércio com as casas de caráter social”, frisa o secretário.

 

A Gestão Emanuel Pinheiro, diz o secretário, está com uma equipe de assistentes sociais, juntamente com uma engenheira civil, que percorrem os residenciais rua a rua, casa a casa, pedindo informações aos residentes, para comprovar que a casa está ocupada pelo beneficiário do programa.

 

“Eles perguntam se o morador mora ali, pedem para ver o contrato, e uma vez detectando a existência de comercialização ou ocupação indevida, é formalizado um processo e feita a notificação ao proprietário e imediatamente remetido à Caixa Econômica Federal”, explica.

 

Conforme Air Praeiro, o processo é enviado a CEF pois ela é a detentora do contrato, e portanto compete apenas a ela a reintegração do imóvel.

 

Ele afirma ainda que antes da entrega das chaves às famílias, é feita uma triagem complexa, para beneficiar realmente aquelas mais necessitadas.

 

“Mas a pessoa se enquadra no programa. Por exemplo, a renda familiar não ultrapassa R$ 1,8 mil, ela não tem outro imóvel registrado no nome, no entanto, assim que adquire o imóvel resolve aliená-lo, resolve vendê-lo, e nesse sentido vamos coibir essa anomalia, porque o objetivo é eminentemente social”, finaliza o secretário.

 

 

Twitter

PUBLICIDADE



Veja mais sobre este assunto:

Edição 196 Setembro de 2019

PUBLICIDADE

Enquete
COLUNISTA
BLOGS MAX
  • PUBLICIDADE

  • PUBLICIDADE

  • PUBLICIDADE


PUBLICIDADE


PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

© 2019 - Notícia Max - Todos os direitos reservados