PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Quarta-Feira, 07 de Fevereiro de 2018, 14h:11
Tamanho do texto A - A+
ECONOMIA
PARCERIA Twitter

Embaixador do Reino Unido conhece atrativos econômicos de MT

Por: Gcom

 

O governador Pedro Taques recebeu a visita do embaixador britânico Francis Vijay Rangarajan e do consultor de Clima e Sustentabilidade do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), de Washington, Angelo Angel, para tratativas sobre o projeto Rural Sustentável no Estado de Mato Grosso. Na oportunidade foram apresentado o potencial econômico do Estado e os desafios de logística. O encontro foi realizado na tarde de terça-feira (06.02), no Palácio Paiaguás.

“Mato Grosso é importante para a geopolítica alimentar do mundo. Essa administração quer mostrar para o mundo que Mato Grosso tem preocupação com a alimentação. Mato Grosso tem espaço para produzir cada vez mais e com qualidade. Estamos exportando com qualidade, se destacando como um dos maiores exportadores do Brasil. Mas, mais que exportar, queremos deixar a qualidade aqui, no Estado”, frisou o governador Pedro Taques.

Informações sobre a Estratégia PCI (Produzir, Conservar e Incluir) foram apresentadas, demonstrando que não é de interesse privado ou público, mas uma ação que prioriza o social. Especialmente no eixo Incluir, onde estão 105 mil famílias que vivem da agricultura familiar, cuja iniciativa é dar apoio, pesquisa e extensão para que possam adquirir conhecimento e acessar mercados.

“Temos parceria com Mato Grosso especialmente na questão do comércio. Um Estado tão enorme e tão importante na questão do clima. Então, estamos aqui para reestabelecer essa parceria, a segunda etapa do nosso projeto Rural Sustentável II, que é muito importante para apoiar as novas tecnologias para pequenos produtores, evitar desmatamento e incrementar a eficiência deles”,  disse o embaixador.

Ele destacou que o Reino Unido importa muito de Mato Grosso, principalmente carne bovina, soja, entre outros produtos dessa “cadeia de fornecimento”. “Temos também um interesse mundial em Mato Grosso, que é tão importante na matéria da energia, da agroindústria e para todo o mundo. Vamos continuar fortalecendo nossas parcerias”, pontuou Francis Vijay Rangarajan.

No entanto, existem alguns entraves no Incluir, que esbarra na regularização fundiária, que concentra cerca de 720 assentamentos.

O presidente executivo do Comitê Estadual da Estratégia PCI, Fernando Mesquita Sampaio, pontuou a necessidade de captar recursos para que as ações aconteçam. “Precisamos de recursos para resolver os gargalos, especialmente na questão da regularização fundiária”, frisou.

Já o consultor do Bid, Angelo Angel, disse que o banco está disposto a responder o que for necessário, mas que muitos municípios de Mato Grosso não apresentaram iniciativas. “É preciso concentrar esforços para envolver a participação deles. É interessante conseguir essa participação de todos”, destacou.

Esta é a primeira vez que o embaixador vem a Mato Grosso e ele afirma estar surpreso pelo que vivenciou. “Incrível, um prazer ficar aqui. Gostei muito da comida”.

Os secretários de Estado de Meio Ambiente André Baby, de Infraestrutura, Marcelo Duarte, o adjunto de Agricultura da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Alexandre Possebon, e a consultora sênior para Clima e Sustentabilidade do BID em Brasília, Luciana Carrijo, além do prefeito de Querência do Norte, Fernando Gorgen, participaram do encontro.

 

Twitter

PUBLICIDADE



Edição 166 Fevereiro de 2019

PUBLICIDADE

Enquete
COLUNISTA
BLOGS MAX
  • PUBLICIDADE

  • PUBLICIDADE

  • PUBLICIDADE


PUBLICIDADE


PUBLICIDADE

© 2019 - Notícia Max - Todos os direitos reservados