ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Terça-Feira, 07 de Agosto de 2018, 16h:28
Tamanho do texto A - A+
Twitter
ORGANIZAÇÃO CRIMINOSA

Quadrilha é presa com armas, munições e mais de R$ 44 mil de banco

Por: GAZETA DIGITAL

Divulgação/PM-MT

 

 

Atualizadas às 16h18 - Seis pessoas envolvidas na tentativa de roubo a agência do Banco do Brasil, na cidade de Brasnorte (579 km a noroeste de Cuiabá), foram presas pela Polícia Militar nesta terça-feira (6). Com eles, foram apreendidos mais de R$ 14 mil e 50 cheques, um deles no valor de R$ 30 mil, armas, munições, coletes e ferramentas utilizadas para o arrombamento, realizado na madrugada.

 

Entre os presos estão Janderson Jales da Silva, 23, Eriely Cristina dos Santos Assis, 24, Weberton Bruno Mendes Soares, 31, Thiago da Silva Pacheco, 19, Alexandre Martins Oliveira, 23, e Pedro Rodrigues de Oliveira, 23. Eles foram autuados em flagrante pelos crimes de furto qualificado, porte ilegal de arma de fogo, receptação e organização criminosa.

 

De acordo com a PM, um dos criminosos presos seria dono de uma residência na cidade que teria dado cobertura ao bando. Janderson e Eriely foram os primeiros a serem presos ao tentar enganar os policiais.

 

Foram cerca de 12 horas de operação policial para fazer o isolamento da região e o cerco dos bandidos, que saíram pelo telhado da agência bancária e retornaram diante da situação. Equipes militares da Força Tática e do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) participaram da ação com apoio da Polícia Civil.

 

Além das prisões, foram apreendidas malas com diversos objetos e armas como revólveres calibre 38, 20 munições do mesmo calibre, 4 bloqueadores de celulares, 7 aparelhos de celulares, 3 óculos de proteção, entre outros.

 

Ao todo seriam 9 suspeitos envolvidos no crime. Buscas continuam para identificar e prendê-los. Segundo o delegado Adil Pinheiro de Paula, 4 dos suspeitos confessaram fazer parte de uma organização criminosa atuante em todo Estado de Mato Grosso.

 

“Os envolvidos no assalto foram autuados por furto qualificado por repouso noturno, rompimento de obstáculo e destruição. Eles também responderão por receptação do veículo roubado, utilizado para prática da ação criminosa, porte ilegal de arma de fogo, uma vez que duas armas foram apreendidas em poder da quadrilha e pelo crime considerado mais grave, a associação criminosa”, destacou o delegado.

Twitter


Veja mais sobre este assunto:


Edição 160 Dezembro de 2018

COLUNISTAS
Enquete

BLOGS MAX



© 2016 NOTÍCIA MAX - Todos os direitos reservados.