ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Terça-Feira, 09 de Outubro de 2018, 14h:26
Tamanho do texto A - A+
Twitter
MAIS VOTADO

Candidato a deputado federal mais votado em MT apostou em redes sociais e diz que defenderá reformas

Por: Por Aldair Santos, Centro América FM

Foto: Facebook/ Reprodução

 

O candidato mais votado a deputado federal em Mato Grosso, Nelson Barbudo (PSL), que é bacharel em direito e pecuarista, afirmou que é a primeira vez que ele concorreu à vaga e que ficou conhecido após postar vídeos nas redes sociais. Morador de Alto Taquari, a 509 km de Cuiabá, onde já foi vereador, ele foi eleito com 126.249 votos, que corresponde a 8,52% dos votos válidos 

 

Veja a lista dos candidatos eleitos deputado federal em MT

 

Nelson Barbudo afirmou que na campanha nunca prometeu nenhuma obra, pois avalia que, antes disso, é preciso mudanças.

 

"É preciso começar uma reforma política e econômica, acabar com cabides de emprego e com as estatais que causam prejuízos econômicos", defendeu.

 

O candidato disse que recebeu mais de R$ 250 mil em doações de campanha e que contou com a ajuda da família para pedir voto e divulgar o nome dele.

 

"Me oferecerem doações. As pessoas me procuravam e diziam o que fazer para me ajudar e assim foi aparecendo o dinheiro que gastei na minha campanha", contou.

 

Ele disse que tem duas filhas, uma médica veterinária e uma advogada, e elas o ajudaram. Uma delas inclusive o orientou a ter um celular com acesso à internet para que pudesse postar os vídeos dele.

 

"Eu não tinha celular moderno, meu celular era antigo, e no ano passado no meu aniversário a minha filha me deu um celular e eu fiz um vídeo rebatendo um político que estava preso e fiz uma crítica, em um vídeo de 8 minutos e pensei que fosse mais um vídeo no mundo virtual, mas teve 7 milhões de visualizações", explicou.

 

Daí, ele disse ter percebido que era uma ferramenta importante para propagar o nome dele.

Twitter


Veja mais sobre este assunto:


Edição 152 Outubro de 2018

COLUNISTAS
Enquete

BLOGS MAX



© 2016 NOTÍCIA MAX - Todos os direitos reservados.