PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Quinta-Feira, 11 de Julho de 2019, 10h:30
Tamanho do texto A - A+
POLÍTICA & PODER
GRAMPOLÂNDIA Twitter

Presidente da OAB revela que MP rejeitou delação de militares

Por: Redação

Reprodução

 

O presidente da Ordem dos Advogados do Brasil seccional Mato Grosso, Leonardo Campos, em entrevista à Capital FM na manhã desta quinta (11), revelou que o Núcleo de Ações de Competência Originária (Naco), do Ministério Público Estadual (MPE), teria negado fechar acordos de colaboração premiada com os militares que são réus no caso conhecido como Grampolândia Pantaneira. 

 

Os acordos foram propostos pelos coroneis Zaqueu Barbosa, ex-comandante geral da Polícia Militar, e Evandro Lesco, além do cabo Gerson Luiz Ferreira Corrêa Júnior.

 

"Quero saber do doutor Domingos Sávio por que os investigados dos grampos tentaram delação e ele não aceitou. Por que? Quais os critérios?", questionou o presidente da OAB-MT.

 

O coordenador do Naco, promotor de Justiça Domingos Sávio, que também foi entrevistado no mesmo programa de rádio, afirmou que não pode falar sobre o tema por conta do sigilo. 

 

Nesta semana, o desembargador Orlando Perri negou pedido do Naco para que excluir a Ordem das apurações do suposto envolvimento de promotores de Justiça nas irregularidades.  Domingos Sávio, por sua vez, já informou que irá recorrer da decisão, afirmando que a OAB não tem "legitimidade" para acompanhar os procedimentos. 

 

Durante a entrevista, o presidente da OAB/MT reafirmou a legitimidade da instituição em acompanhar de perto e cobrar celeridade nas investigações, principalmente no tocante às questões que também respingam em alguns membros do Ministério Público. “A OAB não quer investigação, ela quer apenas acompanhar. Importante os esclarecimentos que ele pôs sobre colaboração premiada, ninguém sabia. Precisou a Ordem provocar e vir aqui questionar, olha é verdade que os militares queriam fazer delação? E  por que não foi aceito? Não estou pedindo para ele quebrar o sigilo”, argumentou Leonardo Campos.   

 

Twitter

PUBLICIDADE



Veja mais sobre este assunto:

Edição 200 Outubro de 2019

PUBLICIDADE

Enquete
COLUNISTA
BLOGS MAX
  • PUBLICIDADE

  • PUBLICIDADE

  • PUBLICIDADE


PUBLICIDADE


PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

© 2019 - Notícia Max - Todos os direitos reservados