PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Sexta-Feira, 10 de Maio de 2019, 07h:51
Tamanho do texto A - A+
CIDADES
ÁGUA NO CAMPO Twitter

Prefeitura conclui perfuração de poço na Grota Seca e trabalho segue à Vila Bueno

Por: Assessoria

REPRODUÇÃO

PREFEITURA DE RONDONOPOLIS

 

Levar dignidade e melhores condições de vida ao homem do campo. Este é o objetivo da Prefeitura de Rondonópolis, que, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura, tem investido na perfuração de poços artesianos na zona rural do município, beneficiado diversas famílias com a resolução do problema de abastecimento de água e o fomento de atividades agrícolas. Ao todo, são mais de R$ 2.395.159,20, em recursos próprios, aplicados na perfuração de poços para atender comunidades rurais. A prefeitura celebrou ainda um convênio com a Funasa (Fundação Nacional de Saúde), para perfuração de outros dez poços.

 

Dos seis poços previstos, inicialmente, no pacote de poços perfurados com recursos próprios, três já estão jorrando água. Já dos poços estabelecidos no convênio com a Funasa, dois já foram perfurados. “Dentro de 30 dias, estes cinco poços já perfurados estarão com água própria para o consumo disponível aos moradores no reservatório”, informou o Secretário Municipal de Agricultura, Genilton Nogueira.

 

O quinto poço, que teve o serviço de perfuração concluído na tarde desta quinta-feira (9), fica na comunidade de Grota Seca, onde mais de 30 famílias serão beneficiadas com o fim do problema de abastecimento de água.  O poço da Grota Seca tem 420 metros de profundidade, com uma vazão de 30 mil litros por hora. “A água será usada para o consumo das famílias da comunidade que há muito tempo sofria com a falta deste bem”, explica.

 

Os outros poços perfurados com recursos próprios são os das comunidades rurais de Aldeinha e Pinguela. Já os perfurados pelo convênio com a Funasa estão localizados nas comunidade dos Baianos (Pé do Morro) e no Assentamento Olga Benário.

 

“O nosso objetivo deste trabalho é atender a necessidade de abastecimento de água nas regiões rurais que enfrentam problemas de abastecimento, aumentando o êxodo rural e diminuindo e produção de alimentos básicos para o abastecimento da população”, explicou Genilton, revelando que na próxima segunda-feira (13) os trabalhos de perfuração do sexto poço devem começar na comunidade Vila Bueno Linha Seca. Em seguida, os serviços serão realizados nas comunidade Bajara e assentamento Banco da Terra Esperança.

 

Ele ressalta que a água nas comunidades rurais servirá tanto ao consumo da população, como, também, para possíveis projetos de irrigação, que vão propiciar a diversificação da produção de alimentos aos pequenos produtores de Rondonópolis, gerando empregos e renda.

Twitter

PUBLICIDADE



Veja mais sobre este assunto:

Edição 179 Maio de 2019

PUBLICIDADE

Enquete
COLUNISTA
BLOGS MAX
  • PUBLICIDADE

  • PUBLICIDADE

  • PUBLICIDADE


PUBLICIDADE


PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

© 2019 - Notícia Max - Todos os direitos reservados