ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Segunda-Feira, 30 de Julho de 2018, 14h:35
Tamanho do texto A - A+
Twitter
OTIMISMO

Empresários da capital esperam incremento de 5,3% nas vendas para o Dia dos Pais

Por: Assessoria

 

Dando continuidade ao trabalho de parceria entre a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL Cuiabá) e o Núcleo de Pesquisas da Universidade Federal de Mato Grosso (NuPES), foi realizado mais um levantamento de dados em relação a expectativas de vendas, desta vez, para o Dia dos Pais, que neste ano será comemorado em 12 de agosto.

 

No total, foram pesquisadas 213 empresas, das 5.820 ativas em Cuiabá, que podem ser impactadas pela data comemorativa, considerando 90% de confiança e uma margem de erro de 5,54%, sendo que 68,2% dos empresários entrevistados afirmaram que esperam alterações em suas vendas quando comparado com o mesmo período do ano passado, ou seja, tem expectativas de vendas melhores, 15,5% esperam vendas iguais e 15,5% apresentaram perspectivas piores.

 

Sobre a variação esperada das vendas, o resultado da pesquisa demonstra que se espera um aumento de 5,3% nas vendas dos segmentos do setor do comércio varejista ampliado e de serviços que podem ser impactados pela data comemorativa. Já em relação a forma de pagamento que será mais utilizada, 77,0% acreditam que os consumidores utilizarão cartão de crédito, 40,5% acreditam que poderá ser o cartão de débito e 15,5% acreditam que os consumidores utilizarão dinheiro.

 

Outros dados importantes que a pesquisa apresenta, é que 56,7% dos entrevistados pretendem investir mais que no ano passado e 89.9% das empresas estão com os estoques adequados para atender a demanda.

 

Para o superintendente da CDL Cuiabá, Fábio Granja, “as boas expectativas demonstradas na pesquisa em relação aos empresários deve-se ao fato de que a data tem conquistado, a cada ano, mais importância no calendário comemorativo do varejo”, afirmou ele, que acredita ainda que as vendas devem gerar um aumento significativo em relação ao ano de 2017, confirmando o resultado do levantamento.

 

INTENÇÃO DE CONSUMO

Levantamento semelhante ocorreu com os consumidores, onde foram entrevistados 412 deles. O resultado é de 95% de confiança e margem de erro de 4,83%. A renda média mensal dos consumidores foi de 3,14 salários mínimos, o que equivale a R$ 2.993,18.

 

Sobre se irão presentear, 50,0% afirmaram que sim, contra 44,7% que disseram não irão presentear e 5,3% disseram que talvez irão presentear. Entre as preferencias de presentes estão 48,2% que comprarão roupas e acessórios e 17,8% que comprarão perfumes e cosméticos.

 

Do montante que irá presentear, 50,6% realizarão suas compras em Shopping Centers e 34,7% realizarão suas compras em lojas no centro da cidade.

 

Conforme o levantamento ainda, 34,6% gastarão mais em relação ao ano anterior e 41,7% não irá gastar mais em relação ao ano anterior, 23,7% ainda não sabem, sendo que o valor do ticket médio do presente é de R$261,18, onde 41,2% Pagarão com dinheiro e 28,9% pagarão com cartão de débito.

Twitter



Edição 153 Outubro de 2018

COLUNISTAS
Enquete

BLOGS MAX



© 2016 NOTÍCIA MAX - Todos os direitos reservados.