PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Quinta-Feira, 18 de Abril de 2019, 15h:46
Tamanho do texto A - A+
POLÍCIA
OCULTAÇÃO DE CADÁVER Twitter

Pai que estuprou e engravidou a filha de 11 anos confessa que jogou feto no rio

Por: Redação

Reprodução PM

 

O frentista que foi preso acusado de estuprar e engravidar a própria filha de 11 anos, confessou à Polícia que que jogou o feto da criança no rio coxipó, em Cuiabá. Segundo ele o aborto ocorreu após a vítima tomar um remédio que o mesmo deu para ela. A menina estava grávida de cinco meses e se encontra intrenada no Hospital Universitário Júlio Müller, onde passa por observação. 

 

Em depoimento o suspeito contou que aproveitou o momento em que a sogra, a mulher e outra filha dormiam, colocou o feto em uma sacola e jogou no rio.

 

O CASO

 

Um frentista de 39 anos, identificado como Cleiton da Paixão Guimarães, foi preso na manhã desta quinta-feira (17) pela Polícia Militar, no bairro Itapajé,  acusado pelo estupro da própria filha, uma menina de apenas 11 anos. O crime acontecia desde meados de 2017. Conforme as informações iniciais, o Cleiton teria dado remédios abortivos para que a filha perdesse a criança.

 

As informações da PM são de que a equipe do Conselho Tutelar foi acionada e acompanha o caso. A menina teria tomado remédios abortivos, dados pelo pai, após descobrir a gravidez de 5 meses.

 

De acordo com a Polícia, a criança foi à Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) do Pascoal Ramos passando mal. No local, os médicos notaram que a garota apresentava sinais de abusos sexuais. Ela, então, teria relatado que é estuprada pelo próprio pai há cinco meses.

 

A criança disse ainda que engravidou do pai. E que ao descobrir a gestação, o homem teria dado remédios para que a garota perdesse o filho. A polícia foi chamada.

 

O pai foi preso e levado para Central de Flagrantes, onde foram colhidas mais informações do caso.

 

O caso foi encaminhado para a Delegacia Especializada de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente (Deddica), onde será apurado o envolvimento de outros familiares.

 

Twitter

PUBLICIDADE



Veja mais sobre este assunto:

Edição 179 Maio de 2019

PUBLICIDADE

Enquete
COLUNISTA
BLOGS MAX
  • PUBLICIDADE

  • PUBLICIDADE

  • PUBLICIDADE


PUBLICIDADE


PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

© 2019 - Notícia Max - Todos os direitos reservados